segunda-feira, 7 de setembro de 2015

Velhices...




Quem nunca comprou uma BRAVO? Quem nunca comprou uma Super POP?
Pois é, estas meninas já devem ter mais de dez aninhos, estavam guardadas religiosamente na garagem.
Quem é do tempo dos Backstreet Boys e da Britney Spears? Dos Anjos, aqueles irmãos portugueses que faziam a  loucura das meninas?

Não havia uma única semana em que não comprasse a revista, era jornalismo do melhor, ou não,  brindes fantásticos, só que não, e aqueles inquéritos adolescentes incríveis?! É mesmo difícil compreender como é que alguém conseguiu crescer sem estas revistas, eu não seria a mesma pessoa sem elas, de certezinha.

5 comentários:

  1. Tenho imensas num caixote também ahah e ocasionalmente, vejo um desses brindes a rebolar algures por casa xD

    ResponderExcluir
  2. O que eu aprendi (ou não) com esses sábios ensinamentos!
    Tantos testes que me indicaram o caminho a tomar com aquele rapaz ahahah!
    Bons tempos!
    O que eu li disso!

    ResponderExcluir
  3. Custavam 150 escudos e ensinavam-nos a viver, hehe. Era os quizzes, os conselhos sentimentais, as dicas de moda e beleza (na altura se não usasses gloss não eras ninguém), as letras de música traduzidas, os posters. Que nostalgia :)

    ResponderExcluir